Britânicos criam reserva marinha do tamanho do Reino Unido no Atlântico

Metade das águas em torno da ilha de Ascensão são fechadas para pesca.
Região é zona importante para preservar de tubarões e atuns ameaçados.

ilhaascensaozee (1)

Metade das águas em torno da ilha de Ascensão são fechadas para pesca. Região é zona importante para preservar de tubarões e atuns ameaçados.

Mais da metade das águas em torno da ilha britânica de Ascensão, que fica no Atlântico a meio-caminho entre Pernambuco e Angola, são agora uma reserva marinha. Uma área de 234 mil km² — quase o tamanho do Reino Unido — será destinada agora à preservação ambiental.Logo de cara, 52,6% das águas na zona econômica exclusiva britânica em torno da ilha serão fechadas para pesca e monitoradas por barcos de patrulha. Os outros 47,4% serão explorados por biólogos e oceanógrafos para que, até 2017, os limites precisos da reserva sejam demarcados com precisão.A criação da reserva foi anunciada após uma negociação de dois anos entre o Governo Britânico, o governo local de Ascensão e a Blue Marine Foundation, um fundo ambiental criado em 2010. O monitoramento da nova reserva será bancado inicialmente por £300.000 (R$ 1,8 milhão) doados pela Fundação Bacon, durante um ano e meio.

Litoral da ilha britânica de Ascensão, no Atlântico Sul, que agora é uma reserva marinha (Foto: Drew Avery/CC)

Litoral da ilha de Ascensão, no Atlântico Sul, que agora é uma reserva marinha (Foto: Drew Avery/CC)

Segundo comunicado publicado pela Blue Marine, a ideia é que a maior parte da porção sul das águas de Ascenção sejam destinadas à conservação, e as águas mais próximas à ilha também, num raio de 50 milhas náuticas. A zona econômica exclusiva britânica compreende um raio de 200 milhas náuticas (370 km).A região central do Atlântico Sul, em torno de Ascensão, é uma importante zona de conservação para espécies de tubarão com populações em declínio. Estoques de atum, um peixe ameaçado de extinção pela sobrepesca, também habitam a região.Segundo o governo britânico, com a demarcação final da reserva, ao menos metade das águas de Ascensão devem ficar totalmente fechadas para atividades econômicas, enquanto o restante deve ser liberado, mas policiado para prevenir pesca de espécies ameaçadas.

FONTE

Calendário

maio, 2019

Ordenar Opções

dom

seg

ter

qua

qui

sex

sab

-

-

-

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

31

Sem eventos.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Unicamp define datas do vestibular 2020 e de outras modalidades para ingresso
Unicamp define datas do vestibular 2020 e de outras modalidades para ingresso.

Primeira fase do exame será em 17 de novembro, enquanto segunda etapa está marcada para 12 e 13 de janeiro. Prazo para inscrições será aberto em 1º de agosto, diz comissão. A Unicamp confirmou na tarde desta terça-feira (16) o calendário do vestibular 2020. As inscrições devem ser realizadas pelos candidatos entre 1 de agosto […] [mais]

Unesp, Unicamp, Unifesp e ITA divulgam calendário do vestibular 2020
Unesp, Unicamp, Unifesp e ITA divulgam calendário do vestibular 2020.

Unesp terá inscrições abertas de 9 de setembro a 7 de outubro. Na Unicamp, inscrições vão de 1º de agosto a 6 de setembro. No ITA, de 1º de julho a 15 de agosto. Fuvest ainda não divulgou calendário. As universidades Unesp, Unicamp e Ita definiram as datas do vestibular 2020. O calendário foi divulgado […] [mais]

Resultado do pedido de isenção do Enem 2019 é divulgado
Resultado do pedido de isenção do Enem 2019 é divulgado.

Candidatos que tiveram a solicitação de isenção reprovada terão o direito a entrar com recursos entre 22 e 26 de abril. Provas acontecem nos dias 3 e 10 de novembro.   O resultado dos pedidos de isenção da taxa de R$ 85 da inscrição do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019 foi divulgado nesta […] [mais]