GUERRA DO PARAGUAI – 150 ANOS

A Guerra do Paraguai, o maior conflito armado ocorrido na América do Sul, é um tema recorrente em provas de vestibular e no Exame Nacional do Ensino Médio. O Enem 2014, realizado em novembro, teve uma questão relativa ao tema na prova de ciências humanas. Os 150 anos do início da guerra não deve mudar a rotina dos vestibulandos no próximo ano. Professores ouvidos pelo G1 dizem que o tema já é muito cobrado nas provas por sua importância histórica, e o aniversário, marcado neste mês de dezembro, será apenas mais um diferencial.

“Nos últimos três anos apareceram nas provas de universidades públicas seis questões dissertativas e nove de múltipla escolha sobre a Guerra do Paraguai”, diz um dos professores ouvidos na entrevista.

Para outro professor, o tema permite uma relação com os dias atuais como a abordagem do papel do Mercosul e do Exército. “Independente do aniversário é importante lançar o olhar sobre o assunto porque traz desdobramentos para aquele período e para o mundo contemporâneo, como por exemplo, a inserção do Brasil dentro dos países do Cone Sul.”

Um deles afirma que como a data dos 150 anos do início do conflito vai ocorrer neste ano, o gancho do aniversário não serve de grande chamariz para as provas de 2015. “Mas este é um tema que sempre cai, independente de ter uma data.”

Interpretações diferentes
A Guerra do Paraguai possui duas interpretações: a mais tradicional, dos historiadores dos anos 70 que defende que a versão de uma guerra imperialista provocada pela Inglaterra, e uma nova versão que defende que a Inglaterra não teve a participação direta nos interesses do conflito.

“O vestibular não cobra qual das duas versões são corretas, porque a verdade histórica é uma questão de ponto de vista e não se cobra isso do aluno”, afirma o professor. Segundo ele, o que pode aparecer em questões são associações com temas da atualidade, além de outras abordagens, como o a discussão sobre o ponto de vista do negros que “já caiu várias vezes”.

Um dos professores entrevistados lembra que nos últimos anos foram mudando a interpretação sobre a guerra. “Por muito tempo se colocou a guerra na conta da agressão do Paraguai, ou num suposto interesse megalomaníaco do líder paraguaio Solano Lopez, ou no interesse dos ingleses. Hoje a interpretação histórica mais aceita é que o Brasil estava aumentando a interferência na América do Sul e ganhando influência no Uruguai e Argentina. Na visão de hoje, o agressor é muito mais o Brasil do que o próprio Paraguai.”

Adaptado – Fonte: G1

 

Calendário

agosto, 2019

Ordenar Opções

dom

seg

ter

qua

qui

sex

sab

-

-

-

-

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

31

Sem eventos.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Unicamp divulga resultado do pedido de isenção do Vestibular 2020
Unicamp divulga resultado do pedido de isenção do Vestibular 2020.

Inscrições do vestibular serão abertas no dia 1º de agosto. Contemplados com a isenção também devem se inscrever.     A Comissão Permanente para os Vestibulares da Unicamp (Comvest) liberou nesta quarta-feira, 24 de julho, o resultado dos pedidos de isenção de taxa do Vestibular e Vestibular Enem 2020 da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). […] [mais]

100 anos do Tratado de Versalhes
100 anos do Tratado de Versalhes.

Tratado puniu a Alemanha pós Primeira Guerra Mundial e ajudou a alimentar o sentimento nacionalista e de extrema-direita no país. No último dia 28 de junho, completaram-se 100 anos do Tratado de Versalhes, um acordo de paz assinado depois do fim da Primeira Guerra Mundial e que impôs termos duríssimos a Alemanha, derrotada na guerra. É […] [mais]

Fuvest 2020: inscrições abrem dia 12 de agosto e primeira fase será dia 24 de novembro
Fuvest 2020: inscrições abrem dia 12 de agosto e primeira fase será dia 24 de novembro.

Taxa de inscrição será de R$ 182. Segunda fase será dias 5 e 6 de janeiro de 2020. Foto: Alunos do Anglo Guarulhos na porta da Fuvest 2019 A Fuvest divulgou o calendário do vestibular 2020 para vagas em cursos de graduação da Universidade de São Paulo (USP). As inscrições serão realizadas de 12 de agosto a 20 de setembro. […] [mais]