Ocupação da E. E. Conselheiro Crispiniano em Guarulhos

23/11/2015 – 14h03

Em uma assembléia que ocorreu na manhã de hoje, dia 23 de novembro, durante o intervalo das aulas, ficou decidida a ocupação da E. E. Conselheiro Crispiniano pelos alunos do ensino médio devido à reestruturação da educação proposta pelo governo do estado de São Paulo no dia 23 de setembro de 2015. 

A Escola Conselheiro, de acordo com a reorganização do estado, à partir de 2016 passará a oferecer somente o Ensino Fundamental Ciclo 2 (5º ao 9º ano), que realocaria os alunos de Ensino Médio para a E. E. Frederico Brotero. 

Segundo o aluno Alessandro da Silva Bezerra, do 3º ano do Ensino Médio, a decisão pela ocupação teve início devido à reorganização proposta pelo estado. Hoje, a Diretora optou pela mudança de cronograma de provas bimestrais dos alunos do 1º e 2º ano do Ensino Médio, que seriam antecipadas de quinta-feira para terça e quarta-feira, no mesmo dia que os alunos de 3º ano de toda a rede pública de ensino fariam o SARESP. O incômodo gerado pela mudança de cronograma foi o estopim para a decisão de ocupar a escola. Até às 12h45 a Polícia Militar estava no portão do estacionamento da escola, pois o portão de entrada foi trancado pelos alunos. O prefeito Sebastião Almeida também esteve no local para tentar apaziguar a situação e não se sabe se a ocupação será mantida.

conselheiro

FOTO: GuarulhosWeb

No próximo domingo, dia 29 de novembro será aplicado no Conselheiro o vestibular da Fundação Universitária para o Vestibular, que oferece vagas para a USP (Universidade de São Paulo) e FCMSC-SP (Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo), e preocupados com a organização do mesmo, nossa equipe de atendimento está em contato com a organização, através do telefone (11) 3093-2300, para obter uma resposta da FUVEST com relação ao ocorrido e sobre o vestibular de domingo. Assim que tivermos novas informações publicaremos nova nota informativa.

Entenda a reestruturação da escola

No dia 14 de novembro, as escolas apresentaram as alterações aos pais. Cabem aos diretores regionais de ensino decidir, em até 30 dias, que escolas vão mudar. Só aí a Secretaria da Educação e os pais saberão exatamente onde os alunos vão estudar no ano que vem.

A ideia é transferir os estudantes para escolas que ficam, no máximo, a 1,5 quilômetro de distância da quais os alunos frequentam atualmente. Mais de 1 milhão de alunos da rede estadual de São Paulo terão de mudar de escola a partir do ano que vem.

A mudança é o primeiro passo para outra maior, de longo prazo. A Secretaria da Educação tem como meta entregar todo o ensino básico às prefeituras. É a chamada municipalização do ensino. Assim, segundo o governo, sobra tempo e dinheiro pra ampliar o número de escola de tempo integral, cuidar melhor do ensino médio e da valorização dos profissionais da educação.

A medida vai reorganizar a distribuição dos alunos em unidades que atenderão cada um dos três ciclos de ensino: o primeiro abrange os alunos do 1º ao 5º ano do ensino fundamental; o segundo, dos alunos do 6º ao 9º ano do fundamental, e o terceiro reúne os três anos do ensino médio. E o tamanho das turmas vai ser limitado: do 1º ao 5º, com 30 alunos por sala; do 6º ao 9º com 35 alunos por sala; e no ensino médio, com no máximo 40 alunos por sala.

Na prática, não haverá mais crianças e adolescentes dividindo o mesmo espaço e cada ciclo terá uma escola exclusiva. Um dos objetivos é melhorar o uso dos prédios escolares – quase todos com mais de 40 anos de uso. “Faz diferença. Nós precisamos de quadro de números, de alfabeto, de ilustrações, fazemos tirinhas de gibi. Isso se torna às vezes um pouco infantil para os outros que são maiores”, afirmou a professora Alcione Regina Salzedas. 

FONTES: 

G1 

Guarulhos Web

Calendário

maio, 2019

Ordenar Opções

dom

seg

ter

qua

qui

sex

sab

-

-

-

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

31

Sem eventos.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Unicamp define datas do vestibular 2020 e de outras modalidades para ingresso
Unicamp define datas do vestibular 2020 e de outras modalidades para ingresso.

Primeira fase do exame será em 17 de novembro, enquanto segunda etapa está marcada para 12 e 13 de janeiro. Prazo para inscrições será aberto em 1º de agosto, diz comissão. A Unicamp confirmou na tarde desta terça-feira (16) o calendário do vestibular 2020. As inscrições devem ser realizadas pelos candidatos entre 1 de agosto […] [mais]

Unesp, Unicamp, Unifesp e ITA divulgam calendário do vestibular 2020
Unesp, Unicamp, Unifesp e ITA divulgam calendário do vestibular 2020.

Unesp terá inscrições abertas de 9 de setembro a 7 de outubro. Na Unicamp, inscrições vão de 1º de agosto a 6 de setembro. No ITA, de 1º de julho a 15 de agosto. Fuvest ainda não divulgou calendário. As universidades Unesp, Unicamp e Ita definiram as datas do vestibular 2020. O calendário foi divulgado […] [mais]

Resultado do pedido de isenção do Enem 2019 é divulgado
Resultado do pedido de isenção do Enem 2019 é divulgado.

Candidatos que tiveram a solicitação de isenção reprovada terão o direito a entrar com recursos entre 22 e 26 de abril. Provas acontecem nos dias 3 e 10 de novembro.   O resultado dos pedidos de isenção da taxa de R$ 85 da inscrição do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019 foi divulgado nesta […] [mais]