USP destina 14% das vagas para ingresso via Enem

Cursos concorridos, como Medicina e Direito, estarão na seleção pelo Sisu.

A Universidade de São Paulo (USP) aprovou, nesta terça-feira (23), o ingresso parcial com a nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) pelo Sistema de Seleção Unificada (Sisu).

A universidade decidiu destinar 1.499  vagas (cerca de 14%) ao Sisu. Desse número, por volta de 10% dos postos serão exclusivos para estudantes formados no ensino médio da rede pública. Os outros 86% continuarão com o ingresso via vestibular tradicional da Fuvest.

A participação da USP no Sisu, segundo a universidade, será feita em caráter experimental. Do total de vagas destinadas ao Sisu, 423 vagas são na área de ciências exatas e tecnologia, 348 na área de ciências biológicas e 728 em humanidades.

A decisão já vale para o ingresso no primeiro semestre de 2016, com o uso da nota do Enem 2015. Antes de ser aprovada, a nova forma de ingresso passou por discussão nos conselhos internos da USP e cada unidade foi responsável por decidir aderir ou não ao Enem. Por isso, alguns dos cursos mis concorridos ficaram de fora, como Medicina (no campus da capital), Audiovisual e Jornalismo.

Já outros cursos muito buscados vão oferecer vagas pelo Sisu: Relações Internacionais (20% das vagas), Direito (20%) e Medicina (Ribeirão Preto) (10%).

Dentre as modalidades de vagas adotadas pelo Sisu, as Unidades poderiam optar por três: ampla concorrência; vagas disponibilizadas para candidatos que, independentemente de renda, tenham cursado integralmente o ensino médio em escolas públicas; e vagas disponibilizadas para candidatos autodeclarados pretos, pardos ou indígenas que, independentemente da renda, tenham cursado integralmente o ensino médio em escolas públicas.

Das 42 Unidades de Ensino e Pesquisa da USP, sete não participarão do Sisu. Além dessas, a Escola de Comunicações e Artes (ECA), a Faculdade de Arquitetura e Urbanismo (FAU) e o Instituto de Arquitetura e Urbanismo de São Carlos (IAU) não aderiram ao sistema, pois a seleção dos novos alunos dessas Unidades conta também com provas de habilidades específicas.

Bônus no vestibular

Os bônus do Programa de Inclusão Social da USP (Inclusp) continuarão a ser oferecidos a alunos oriundos de escolas públicas que se inscreverem na Fuvest. Os bônus do Inclusp podem chegar a até 20%, variando de acordo com o grupo em que o candidato se inserir, que incidem sobre a nota da primeira fase e a nota final do vestibular.

A Pró-Reitoria de Graduação definirá a forma de compatibilização dos resultados de candidatos aprovados nos dois processos – Sisu e Fuvest – privilegiando, sempre que possível, o resultado do vestibular tradicional.

FONTE

Calendário

janeiro, 2019

Ordenar Opções

dom

seg

ter

qua

qui

sex

sab

-

-

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

31

Sem eventos.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Enem 2018: resultado é divulgado pelo Inep; veja como consultar a nota
Enem 2018: resultado é divulgado pelo Inep; veja como consultar a nota.

Resultado dos treineiros só será divulgado no dia 18 de março. As notas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2018 foram divulgadas na manhã desta sexta-feira (18). Para acessar, os candidatos que fizeram o exame devem entrar na Página do Participante (https://enem.inep.gov.br/), incluir o CPF e a senha cadastrada. A nota do Enem só […] [mais]

Sobe para 37 o total de universidades que aceitam notas do Enem em Portugal
Sobe para 37 o total de universidades que aceitam notas do Enem em Portugal.

Inep assinou novo convênio com a Universidade Europeia de Lisboa. A Universidade Europeia de Lisboa será a 37ª instituição de ensino superior de Portugal que vai aceitar o uso da nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) na seleção de alunos brasileiros. O novo convênio com o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) foi […] [mais]

Ministério da Educação define regras para o Fies do primeiro semestre de 2019
Ministério da Educação define regras para o Fies do primeiro semestre de 2019.

Inscrições de 5 a 12 de fevereiro de 2019 O Fies é um programa de financiamento para estudantes cursarem o ensino superior em universidades privadas. A portaria mantém as regras sobre quem poderá participar do financiamento: Quem tenha feito o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) a partir de 2010, tenha nota igual ou maior […] [mais]